Passar para o Conteúdo Principal Top
Ambiente Maia
Logótipo da Câmara Municipal de Maia

#FiqueEmCasa

Biodiversidade

Evitar a desflorestação - A desflorestação e a degradação das florestas representam cerca de 20% das emissões globais de dióxido de carbono de origem antropogénica. Além disso, representa também perda de habitats para muitas espécies, colocando-as em risco.

Plantar Árvores – A reflorestação da floresta ajuda a neutralizar as emissões de GEE.

Preservar habitats – as árvores são muitas vezes habitats onde as aves podem satisfazer as suas necessidades de alimento, abrigo e até mesmo de nidificação. Posto isto, é importante que evite as podas na primavera e o uso de herbicidas e pesticidas.

Preservar os charcos – Os charcos são acumulações de água importantes que têm vindo a desaparecer, pondo em causa o habitat dos anfíbios que são uma espécie muito vulnerável às alterações climáticas.