Passar para o Conteúdo Principal Top
Ambiente Maia
Logótipo da Câmara Municipal de Maia

Sorria, está na Maia!

Para poupar água em casa… 

...no quarto de banho e noutras torneiras:

  • 40% de toda a água utilizada numa casa desaparece no quarto de banho, na sanita. Por forma a poupar água na descarga do seu autoclismo, e no caso de não possuir um autoclismo "inteligente"…
  • Coloque garrafas de plástico cheias de pedras ou água nos depósitos de autoclismos de forma a diminuir o volume gasto em cada descarga. Assim poupará em água o equivalente ao volume da garrafa. 
  • Tenha atenção ao reservatório do autoclismo: Verifique o sistema válvula-flutuador certificando-se do seu bom estado de funcionamento. Para descobrir se o seu autoclismo perde água, ponha umas gotas de corante no depósito e se vir água corada na sanita, sem ninguém ter puxado o autoclismo, é porque existe uma fuga.
  • A sanita deve ser utilizada apenas para satisfazer as suas necessidades fisiológicas. Lançar qualquer outro tipo de material na sanita vai complicar o tratamento do esgoto e obriga a constantes descargas de água ...não utilize a sanita como "cesto de lixo".
  • Uma fuga numa torneira de apenas uma gota por segundo gasta cerca de 11000 litros de água por ano! E as gotas que pingam dessa torneira durante uma semana enchem uma banheira. Por isso...vigie as torneirasCompare os valores marcados no seu contador no início e no final de um determinado período, durante o qual não vai consumir água: por exemplo durante a noite. Se, pela manhã, lhe aparecer a indicação de um certo volume consumido, então é certo de que há fugas. Nesse caso, substitua a borracha vedante da(s) torneira(s). E não hesite em substituir a torneira quando esta já tem demasiado uso
  • Cuidado com lavagens de água corrente. Ao lavar os dentes ou fazer a barba com a torneira sempre aberta em vez de a fechar, está a gastar cerca de 3 vezes mais água! Por isso... ...habitue-se a fechar a torneira.

E, quando vir uma torneira a verter, feche-a, mesmo que não seja da sua própria casa.

  • O caudal de uma torneira é de 11 a 19 litros de água por minuto. Se instalar um compressor redutor de caudal, poderá reduzir o consumo em 50%.
  • Uma banheira média leva cerca de 136 litros de água. Um duche médio de 5 minutos gasta cerca de 68 litros. Actualmente existem já no mercado chuveiros de gasto "inteligente" com um sistema de dispersão de água satisfatório e gasto de água reduzido. Por isso... ...evite tomar duches longos ou banhos de imersão. Instale um chuveiro inteligente. Desligue a água enquanto se ensaboa. Se tomar banho de imersão, reutilize a água para outras lavagens.
  • As máquinas de lavar roupa comuns gastam em média cerca de 200 litros de água por lavagem. E gastam o mesmo quer estejam cheias ou quase vazias. Por isso......utilize a máquina de lavar a roupa com o tambor sempre cheio ou se possuir programa de meia-carga.. Se lava a roupa à mão, não deixe a torneira a correr. Encha o tanque ou bacia para lavar, e enxagúe passando por várias bacias e reutilizando a água sempre que possível; ...aplique o mesmo princípio à máquina de lavar louça. Utilize-a apenas quando cheia e se lava a louça à mão, faça-o como explicado para a lavagem de roupa à mão; ...antes de lavar a loiça mais suja, é aconselhável que a limpe com papel e, se necessário, a deixe "de molho".

...na lavagem do automóvel:

  • Lavar o carro durante 30 minutos com meia torneira aberta consome 216 a 560 litros de água por lavagem. Usar um balde de 10 litros para molhar o carro e 3 baldes para enxaguar, consome apenas 40 litros por lavagem, o que representa uma economia significativa. A lavagem de carros nas estações de serviço é sempre uma alternativa, pois a água consumida para o efeito está prevista e controlada para uma eficiência máxima. Por isso... ...lave o seu carro a balde. Se utilizar uma mangueira, desligue a água sempre que não estiver a ser usada. Alternativamente lave-o na estação de serviço.

...no jardim:

  • A relva é uma planta que necessita de enormes quantidades de água. Por isso... ...se tem um jardim relvado, regue de manhã cedo ou ao fim da tarde, por forma a reduzir a evaporação. 
  • Água não utilizada ou levemente utilizada pode ainda servir. Por isso... ...regue as plantas da casa com a água recuperada da chuva ou com a que sobra na panela depois de alguém ferver ou aquecer vegetais.Esta será mais rica em nutrientes, embora seja necessário deixá-la arrefecer antes da rega.