Passar para o Conteúdo Principal Top
Ambiente Maia
Logótipo da Câmara Municipal de Maia

#sorrirseguirseguro

2ªfase de “Vamos Reinventar o Plástico” arranca agora

2ªfase de “Vamos Reinventar o Plástico” arranca agora
28 Janeiro 2021

A 2ªfase da campanha de sensibilização do consumidor, promovida pelo Pacto Português para os Plásticos, arranca a 28 de janeiro sob o mote “Vamos Reinventar o Plástico”.
Nesta fase, a campanha tem como principal foco os Rs “Reutilizar” e “Reciclar”, e pretende sensibilizar os consumidores portugueses para uma utilização responsável do plástico.
O plástico está por todo o lado e faz parte do dia-a-dia de todos os portugueses. É prático, leve, barato, versátil e, sobretudo, muito útil. No entanto, a forma como tem sido utilizado – de forma linear – tem tido como consequência a degradação e poluição do ambiente, sobretudo nos oceanos. Por tais motivos, é urgente mobilizar a sociedade portuguesa e pô-la a repensar no uso, e pós-uso, do plástico no país. Ou seja, reduzir o plástico desnecessário, inovar para implementar soluções de reutilização de embalagens, aumentar a reciclagem dos plásticos, e incorporar o material reciclado em novos produtos.
A Câmara Municipal da Maia, é um dos membros fundadores do Pacto Português para os Plásticos, no âmbito do qual foi assumido o ambicioso compromisso comum, entre várias entidades, para atingir 100% de plástico reciclável nas embalagens até 2025.
O Pacto Português para os Plásticos é uma plataforma colaborativa liderada pela Smart Waste Portugal, com o apoio do Ministério do Ambiente e da Ação Climática, reunindo os diferentes atores da cadeia de valor nacional do plástico, propondo-se alcançar um conjunto de metas ambiciosas até 2025:
- Definir, até 2020, uma listagem de plásticos de uso único considerados problemáticos ou desnecessários e definir medidas para a sua eliminação, através de redesenho, inovação ou modelos de entrega alternativos (reutilização);
- Garantir que 100 % das embalagens de plástico são reutilizáveis, recicláveis ou compostáveis;
- Garantir que 70 % ou mais das embalagens plásticas são efetivamente recicladas, aumentando a recolha e a reciclagem;
- Incorporar, em média, 30 % de plástico reciclado nas novas embalagens de plástico;
- Promover atividades de sensibilização e educação aos consumidores (atuais e futuros) para a utilização circular dos plásticos.
O Pacto Português para os Plásticos visa assim, promover a transição do atual sistema dos plásticos para um modelo circular e sustentável, maximizando o valor deste material e evitando o seu desperdício e poluição, assim como outros efeitos ambientais negativos.
Saiba mais sobre a campanha "Vamos Reinventar o Plástico" aqui.