Passar para o Conteúdo Principal Top
Câmara Municipal de Maia
Logótipo da Câmara Municipal de Maia

#sorrirseguirseguro

Agenda Cultural_fim de semana

16 a 21 Nov
Adicionar a calendário 2022-11-16 00:00:00 2022-11-21 00:00:00 Europe/Lisbon Agenda Cultural_fim de semana Evento
Agenda Cultural_fim de semana
Cultura

AGENDA CULTURAL FIM DE SEMANA

Se ainda não o fez, tem até Domingo a possibilidade de visitar gratuitamente três excelentes exposições no Fórum da Maia. A prestigiante World Press Photo, que o Município da Maia se orgulha de ter a possibilidade de apresentar a mostra de fotografia jornalística e pertencer ao restrito grupo de cidades da europa e do mundo que acolhem este evento todos os anos; “A Fé pela Arte”, inserida nas comemorações dos 400 anos da Igreja do Divino Salvador de Moreira, “inaugurada” em 1622, esta exposição revela uma parte do belíssimo património religioso do Mosteiro de Moreira; e “KIOSKZINE, 2 anos, 8 fotógrafos”, que apresenta uma parcela significativa do trabalho desenvolvido durante dois anos na Kioskzine com recurso a uma seleção de fotografias que foram sendo publicadas nesta publicação trimestral.

Inserido no programa Música pelo Concelho, Música pelo Património, A Capela de N.ª Sr.ª da Luz e Santa Bárbara, em Vilar de Luz, Folgosa, acolhe no sábado, às 21h30, a atuação do guitarrista Henrique Fraga acompanhado por João Teixeira à guitarra clássica.

Serão interpretados alguns dos seus temas originais, bem como alguns dos mais carismáticos e exigentes temas instrumentais alguma vez compostos para a guitarra de Coimbra.

Na Biblioteca para além de mais um sábado mágico, histórias divertidas, fantasia e imaginação, contos maravilhosos e muita animação com as “Histórias Fiadas”, sábado, às 15h00, Encontro com o Escritor Davide Freitas. “Não se entra duas vezes no mesmo Rio”, foi a obra vencedora do Prémio Literário da Cidade do Funchal Edmundo Bettencourt, trata-se de um romance que decorre no tempo da intervenção da troika, momento em que o país atravessa uma grave crise económica e social. Na quinta-feira, 17 de novembro, às 21h00, a Biblioteca assinala o Dia Mundial da Filosofia com a Conferência – “Filosofia em Movimento: uma urgente necessidade”. O tema da palestra deste ano faz jus a esta preocupação inicial e procura mostrar o movimento contínuo que a filosofia impele ao ato de pensar, não deixando de fora nenhum assunto por mais incómodo que ele possa parecer. Intentar-se-á ilustrar algumas das áreas onde a filosofia se revela, hoje, mais urgente e necessária. Tudo isto num contexto desejavelmente dialógico.

No Jardim Comunitário do Fórum da Maia, sábado, entre as 11h00 e as 13h00, iremos aprender sobre compostagem, o método através do qual se transformam restos de cozinha, de parques, de jardins e de hortas em solo fértil para as nossas plantas. Nesta atividade, ministrada por Sara Rodrigues e Rodrigo Camacho (landra.pt), abordaremos vários métodos de compostagem, aprendendo aqueles que são usualmente considerados os mais práticos e eficazes no meio urbano.

A Quinta da Caverneira arranca no próximo sábado, às 21h30, nova temporada da Programação Regular de Teatro com o Teatro de Montemuro - Castro Daire, que apresenta "As Memórias do meu Pai na Rádio do meu Tio".

“As memorias do meu pai na rádio do meu tio” é apenas o nome que dá início ao conto que vamos contar e que nasce das raízes rurais para mais tarde crescerem pelo mundo. São relatos vivos de gente já sem vida, que nos deixaram o seu valioso legado e que os tornaram imortais."

Bom fim de semana

FÓRUM DA MAIA

Até 20 de novembro

Exposição

World Press Photo

É prestigiante para o Município da Maia ter a possibilidade de apresentar esta excelente mostra de fotografia jornalística e pertencer ao restrito grupo de cidades da europa e do mundo que acolhem este evento todos os anos. A World Press Photo realiza-se na Maia há 23 anos e é já um acontecimento de grande relevância no nosso Município e na Região Norte, aguardado com enorme expectativa pelos milhares de pessoas que habitualmente visitam a exposição. Todos os anos a exposição recebe cerca de 8.000 visitantes, incluindo visitas de estudo organizadas por instituições de ensino.

Terça-feira a Domingo, das 10h às 22h.

Gratuito.

Até 20 de novembro

Exposição “A Fé pela Arte”

A arte, «fonte de harmonia e de paz», permite «aceder à fé mais do que muitas palavras e ideias, porque com ela partilha o mesmo caminho, o da beleza», afirmou o Papa Francisco.

Inserida nas comemorações dos 400 anos da Igreja do Divino Salvador de Moreira, “inaugurada” em 1622, esta exposição revela uma parte do belíssimo património religioso do Mosteiro de Moreira.

Terça-feira a domingo, entre as 10h00 e as 22h00.

Gratuito.

Até 20 de novembro

Exposição

KIOSKZINE, 2 anos, 8 fotógrafos

Exposição da Kioskzine converte Fórum da Maia em “Kiosk…zone”

A exposição que versará uma parcela significativa do trabalho desenvolvido pelo coletivo e convidados será inaugurada no próximo dia 8 de outubro, sábado, pelas 18h00, no Fórum da Maia. A iniciativa celebra assim dois anos da Kioskzine com recurso a uma seleção de fotografias que foram sendo publicadas nesta publicação trimestral.

O acesso à exposição é gratuito e a mesma pode ser vista de terça a domingo, das 10h00 às 22h00 (de 8 de outubro a 20 de novembro).

19 de novembro, 11h00 - 13h00

Jardim Comunitário do Fórum da Maia

Workshop "Compostagem na Cidade"

Na próxima atividade do Jardim Comunitário do Fórum da Maia, agendada para 19 de novembro, entre as 11h00 e as 13h00, iremos aprender sobre compostagem, o método através do qual se transformam restos de cozinha, de parques, de jardins e de hortas em solo fértil para as nossas plantas. Nesta atividade, ministrada por Sara Rodrigues e Rodrigo Camacho (landra.pt), abordaremos vários métodos de compostagem, aprendendo aqueles que são usualmente considerados os mais práticos e eficazes no meio urbano.

Inscrições gratuitas, disponíveis através do número 965717721 ou de landra.pt@protonmail.com.

CAPELA DE Nª SRª da LUZ E SANTA BÁRBARA, VILA DE LUZ, FOLGOSA

Sábado, 19 de novembro, 21h30

Música pelo Concelho, Música pelo Património

Henrique Fraga - Guitarra de Coimbra

A Capela de N.ª Sr.ª da Luz e Santa Bárbara, em Vilar de Luz, Folgosa, acolhe no próximo dia 19 de novembro, pelas 21h30, a atuação do guitarrista Henrique Fraga acompanhado por João Teixeira à guitarra clássica.

Serão interpretados alguns dos seus temas originais, bem como alguns dos mais carismáticos e exigentes temas instrumentais alguma vez compostos para a guitarra de Coimbra.

A não perder, no âmbito do evento Música pelo Concelho – Música pelo Património, com entrada livre.

BIBLIOTECA MUNICIPAL DA MAIA

17 de novembro, 21h00

Conferência - Filosofia em Movimento: uma urgente necessidade

Quando em 2002, a UNESCO instituiu o Dia Mundial da Filosofia, procurava defender a atividade reflexiva e a aquisição do pensamento crítico, de acordo com intenção de promover a tolerância e a paz. O dia escolhido é a terceira quinta-feira do mês de novembro que este ano terá lugar a 17 de novembro de 2022.

O tema da palestra deste ano faz jus a esta preocupação inicial e procura mostrar o movimento contínuo que a filosofia impele ao ato de pensar, não deixando de fora nenhum assunto por mais incómodo que ele possa parecer. Intentar-se-á ilustrar algumas das áreas onde a filosofia se revela, hoje, mais urgente e necessária. Tudo isto num contexto desejavelmente dialógico.

Gratuito

Inscrições: biblioteca@cm-maia.pt

Sábado, 19 de novembro, 11h30

Hora do Conto - "Histórias Fiadas"

Sábados mágicos, histórias divertidas, fantasia e imaginação, contos maravilhosos e muita animação. A Biblioteca espera por ti com incríveis leituras para toda a família.

DURAÇÃO | 20 min

PÚBLICO-ALVO | infantil

Sábado, 19 de novembro, 15h00

Encontro com Davide Freitas

“Não se entra duas vezes no mesmo rio”, foi a obra vencedora do Prémio Literário da Cidade do Funchal Edmundo Bettencourt, trata-se de um romance que decorre no tempo da intervenção da troika, momento em que o país atravessa uma grave crise económica e social.

Gratuito

Até 26 de novembro

Exposição - Filosofia em Movimento

O Dia Mundial da Filosofia celebra-se na terceira quinta-feira de novembro. A Biblioteca Municipal promove a exposição Filosofia em movimento no sentido de comemorar esta efeméride e sublinhar a importância desta disciplina para o desenvolvimento do indivíduo e da sociedade.

Horário: segunda das 18h00h às 23h00 l terça a sexta das 09h30 às 23h00 l sábado das 09h30 às 22h30

Gratuito

MUSEU DE HISTÓRIA E ETNOLOGIA DA TERRA DA MAIA

Até 30 de novembro

Exposição "5000 anos de história, Arqueologia na Maia - um olhar inclusivo”

O Museu de História e Etnologia da Terra da Maia, reabriu as exposições permanentes com uma visão renovada do espaço físico do Museu no âmbito do projeto “Cultura Inclui (Cultura Para Todos)”.

Um Museu ainda mais inclusivo, através de dispositivos, mapas interativos multitouch, Audioguia, aplicações móveis, sistemas de códigos QR, guias multidigitais, informação em braille, rampas de acesso e sinaléticas, com equipamentos que o tornam mais apelativo na visita bem como na fruição das exposições. Desta forma a exposição “5000 anos de história, Arqueologia na Maia- um olhar inclusivo”, tem como objetivo apresentar alguns dos objetos provenientes de intervenções arqueológicas realizadas com o respetivo enquadramento histórico e territorial, recuando no tempo através da realidade das coisas, dos objetos, construindo uma espécie de história, reescrita através de escavações arqueológicas e da relação dos sítios com a paisagem.

Pretendemos que o visitante construa uma leitura própria do passado, que o aproxime do presente, que o vivencie, e que o salvaguarde.

Até 30 de novembro

Exposição “A Empreza do Bolhão – 100 anos de História(s)”

A Empreza do Bolhão, sucessora das empresas publicitárias e de filmes de Raúl Caldevilla, começou em 1923 e manteve-se até meados dos anos 90, sendo depois integrada na Packigráfica do grupo Higifarma, embora mantendo a mesma designação.

Esta empresa era possuidora de uma das maiores coleções de cartazes publicitários, além de antiga maquinaria e um importante acervo de rótulos e postais. Uma grande parte do que de melhor se fez em publicidade está reunido neste importante espólio da Empreza do Bolhão, desde os tempos de Raul de Caldevilla.

A ligação de Caldevilla à Empreza do Bolhão.

Através de importantes apoios bancários funda no Porto uma empresa, a Propagandas Caldevilla na Rua 31 de Janeiro, e depois em 1916, a Raul de Caldevilla & Cia. Lda na Rua Formosa, que ficará conhecida por Caldevilla Film.

São seus sócios Eduardo Kendall, João Manuel Lopes de Oliveira e António de Oliveira Cálem. A partir do Porto, vai criar e produzir cartazes de grande formato para publicidade exterior para todo o país, sob a sigla ETP. Sucede-se a Empresa Técnica Publicitaria Film Gráfica Caldevilla, onde esteve como gerente da firma até 1923. Em rutura com os sócios da empresa, abandona a sociedade e esta transforma-se em Empreza do Bolhão.

Grande parte deste espólio documental das empresas de Caldevilla e da Empreza do Bolhão pode agora ser visto nesta exposição. De valor histórico e gráfico único no país, esta coleção da Empreza do Bolhão, da Litografia Nacional e de outras gráficas são um manancial de informação sobre design, grafismo e processos de produção. Composta por uma diversidade de cartazes, rótulos, postais, catálogos, quadros, livros, bibliografia diversa, maquinaria, móveis, bustos, esta coleção ilustra, de forma significativa, a evolução da indústria litográfica do séc. XX em Portugal.

Até 30 de novembro

A Arqueologia na Maia

Oficina para Famílias e Escolas "A arte na pré-história"

Com recurso a pigmentos naturais, vamos pintar como na pré-história. Esta atividade encontra-se disponível para a comunidade escolar e para as famílias.

Até 30 de dezembro de 20022

Terça-feira a sábado das 9h00 às 12.30 e das 14h00 às 17h30

Inscrições

Tel. (+351) 229.871144

museu@cm-maia.pt

Até 30 de novembro

Exposição Permanente “Identidade e Território”

Esta exposição tem como objetivo divulgar a história local desde a pré-história até à idade contemporânea levando o visitante a percorrer visualmente as datas mais marcantes da origem e criação da Terra da Maia.

Terça a sábado das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

Gratuito

Contactos: 229871144 | museu@cm-maia.pt

Observações: visitas guiadas de terça a sábado sujeitas a marcação

QUINTA DA CAVERNEIRA

Sábado, 19 de novembro, 21h30

"As Memórias do meu Pai na Rádio do meu Tio"

Teatro do Montemuro – Castro Daire

M/6 | 60M

“As memorias do meu pai na rádio do meu tio” é apenas o nome que dá início ao conto que vamos contar e que nasce das raízes rurais para mais tarde crescerem pelo mundo. São relatos vivos de gente já sem vida, que nos deixaram o seu valioso legado e que os tornaram imortais. São vivencias especificas com particularidades muito ligadas à terra que os viu nascer, embora as sensações caminham para o lugar-comum, são universais, porque falam de gente e como todas as histórias que rebentam nunca se sabe ao certo qual o trajeto que irão seguir. As histórias partem de uma ideia, de um contexto, ou de um fugaz momento de inspiração, depois seguem naturalmente o seu crescimento. Cada história constrói o seu próprio destino. Prever já um fim seria não a deixar crescer, seria violar o verdadeiro conceito de liberdade. Sabemos que a meta é contar uma história com muitas histórias por dentro. Histórias de gente rija de gente de luta, que somaram conquistas heroicas e derrotas dolorosas. Queremos recordar, queremos homenagear a história e as pessoas que a construíram.

Texto Eduardo Correia Encenação Abel Duarte Interpretação Eduardo Correia, Sofia Moura, Ricardo Direção musical Ricardo Augusto Cenário e figurinos Ana Limpinho Desenho de luz Paulo Duarte Construção de cenários Carlos Cal e Conceição Almeida Costureiras Capuchinhas e Maria do Carmo Félix Direção de cena Abel Duarte Produção Marta De Baptista

Comunicação Joana Miranda.

BILHETEIRA

5,00€ Normal

3,00€ Estudantes, Crianças menos de 6 anos, M/65, Profissionais das Artes Cénicas,

Desempregados e sócios do Sindicato dos Bancários do Norte.

Horário: 30 minutos antes do início de cada espetáculo

Oficina de Teatro da Maia/Oficina de Teatro Sénior

Prólogo: Laboratório de Dramaturgia

25 out – 13 dez

Ter e qui – 21h00 às 23h00

Inscrições até 10 de novembro

Inserido na Oficina de Teatro da Maia/Oficina de Teatro Sénior, apresentasse como um prólogo no sentido em que é a primeira fase de um processo de criação teatral, na busca pela construção de um texto dramático. Numa dinâmica de constante pesquisa, a lógica laboratorial de tentativa e erro

será aplicada com o intuito de chegar a uma possibilidade de texto que será trabalhado no módulo de interpretação, segunda fase da Oficina, e que culminará numa primeira apresentação pública do processo. Processo esse que funcionará como matriz para criação de um novo espetáculo do Teatro

Art’Imagem. Esta oficina é também dirigida aos maiores de 50 anos, num encontro de gerações.

Formador: Zé Pedro

t. 22 208 40 14 | 91 76 91 753 | 91 08 18 719

teatroartimagem@teatroartimagem.org

Até 30 de dezembro

Exposição

Fazer a Festa – Ecos na Comunicação Social

Galeria da Quinta da Caverneira

Entrada livre

Desde a sua primeira edição, o Fazer a Festa – Festival Internacional de Teatro para a Infância e Juventude, teve uma grande cobertura por parte dos jornais do Porto e nacionais, tendo nestas 40 edições um robusto cliping de mais de 300 notícias.

Esta exposição pretende revelar o Fazer a Festa através de vários elementos da Comunicação Social: notícias de jornais, reportagens televisivas, etc., a sua receção e o olhar jornalístico.

Com curadoria de José Maia Vídeo André Rabaça Apoio à Montagem José Lopes e Pedro Leitão

CENTRO COMERCIAL MAIA JARDIM

Até 2 de dezembro

Exposição "Portas da Maia"

A paixão por fotografar e retratar portas e janelas foi o ponto de partida para Amadeu Trindade, fotógrafo amador, registar portas e janelas dispersas por todo o concelho. Ao longo das suas saídas, foi-se embrenhando cada vez nesta temática e passou organizar os seus ficheiros por freguesias e tipologias – portas, portões e detalhes.

- No início fui fotografando à sorte, conforme apareciam e não apontava onde ficava a rua. Só depois, passei a ser mais metódico e «profissional».

Fotografar estas portas foi uma maneira de fazer com que todos percebam a beleza do lugar onde vivem.

Assim, de máquina em punho, lá foi descobrir a Maia. Entre 240 portas fotografadas, esta é uma pequena amostra das suas descobertas.

Gratuito.

Todos os dias entre as 08h00 e as 22h00

BREVEMENTE:

25, 26 e 27 de novembro de 2022

Fórum da Maia e Biblioteca Municipal

CONTAMINA - Festival de Contos da Maia

24 de novembro, 19h00

Grande Auditório do Fórum da Maia

Teatro À(s) Quintas

Teatro Art’Imagem/Câmara Municipal da Maia

"Hamlet" - CTB – Companhia de Teatro de Braga

25 de novembro, 21h00

Mosteiro de Águas Santas

ANGÉLICA SALVI - Música pelo Concelho, Música pelo Património

26 de novembro, 21h30

Quinta da Caverneira

"A Ilha de Morel"

teatromosca (Cacém)/Cães do Mar (Angra do Heroismo)

1 de dezembro (feriado), 16h00

Grande Auditório do Fórum da Maia

VII Encontro de Coros Infantis da Maia

3 de dezembro, 16h00

Grande Auditório do Fórum da Maia

Musical

"Alice no País das Maravilhas" - Companhia Rituais dell Arte

8 de dezembro a 26 de fevereiro

Inauguração a 7 de dezembro, 21h30

Fórum da Maia

UIVO - 12ª MOSTRA DE ILUSTRAÇÃO DA MAIA

"Expedições – Do Real e do Fantástico"

11 de dezembro, 16h00

Fórum da Maia

Festival de Magia da Maia

Bom fim de semana.